AMADO BATISTA O CANTADOR DE HISTÓRIAS

5 de mar de 2013


Amado Batista o Cantador de Histórias

Parceria de Sucesso ( Continuação 3 )

 "Desisto" foi a música escolhida para divulgação. E o que ninguém poderia imaginar, mas que era o sonho de Amado Batista, aconteceu. A canção estourou no Brasil inteiro. Era a Rádio Nacional, a Tupi, a Record, a Panamericana e a Bandeirantes tocando em intervalos cada vez menores a música do povo cantor. Porém, Amado e Sodré não tinham noção de tamanho sucesso.  Em uma viagem para Inhumas, puderam constatar isso ao ligarem o rádio.

 - "Desisto", em primeiro lugar nas paradas de sucesso! - anunciou o locutor.

 Os amigos começaram a comemorar, eufóricos, e imediatamente Amado tirou a mão do volante, jogou os braços para o ar e começou a gritar "Uhuuuuu..."

 Sodré, mais prudente, ou talvez com medo de morrer, gritou apavorado:

 - Segura o volante! vai bater essa porra - lembra ele, aos risos.

 Na segunda tentativa de fazer sucesso, Amado foi feliz. Seu compacto vendeu mais de 100 mil cópias, chegando a ganhar disco de ouro e disputar o reinado na venda de discos com Roberto Carlos. A música tema da novela "Estúpido Cupido", cantada por Celly Campello,  também fazia muito sucesso, mas não teve para ninguém, Amado Batista tornou-se febre nacional.

 A música ficou em primeiro lugar na lista das 100 mais tocadas naquele ano.

 - Você imagina o que tocou?! Uma música assim, você troca de estação de rádio e ela está tocando, troca de novo e lá está ela tocando - disse Amado.

 - Mas o dinheiro mesmo que era bom, nem sinal disse Sodré.

 Começava ali a carreia do cantor brasileiro mais popular do Brasil e a parceria mais bem-sucedida de todos os tempos.



Amado Batista - Tarde Solitária


Amado Batista - Desisto

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário, sugestão, elogio ao nosso blog.
Esperamos fazer sempre melhor por você, nosso leitor.

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial
 
Copyright © 2015. BLOG AMADO BATISTA.net.
Design by Herdiansyah Hamzah. Published by Mais Template.
Creative Commons License